Cinco homens morrem após troca de tiros com policiais em Maracás

Cinco homens morrem após troca de tiros com policiais em Maracás

Subiu para sete (07) o número de mortos em uma operação policial na zona rural de Maracás, no Sudoeste da Bahia. Na manhã de ontem (12), dois (02) homens morreram após troca de tiros com a PM (veja aqui). Na madrugada desta quarta-feira (13), por volta das 5h, morreram cinco (05). Segundo informações da 93ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), ao site Vinny Publicidade, após denúncia anônima informando que vários homens estavam armados, cortando e embalando drogas, em uma propriedade na zona rural de Maracás, indica que Militares deslocaram para o local informado a fim de apurar a situação. Chegando próximo a localidade, os Policiais Militares foram notados e os suspeitos passaram a deflagrar disparos de arma de fogo contra os Militares, sendo necessário revide à injusta agressão. Cessado os disparos, foi realizada aproximação e varredura no perímetro, sendo encontrado cinco indivíduos ao solo, bem como armas de fogo. Fora, imediatamente, prestado socorro aos envolvidos até o Hospital Municipal Álvaro Bezerra em Maracás, onde o óbito foi atestado pelo médico Plantonista. No Hospital dois dos resistentes foram reconhecidos, sendo que um deles considerado de alta periculosidade, tendo em seu desfavor diversas passagens policiais. De acordo com a PM, foi apreendido: 1 revólver cal. .38; 1 revólver cal .32; 1 espingarda cal 12GA; 1 espingarda cal 20GA; 1 espingarda artesanal; 3 munições cal .38 intactas e 3 deflagradas; 3 munições cal .32 picotadas e 3 deflagradas; 4 munições cal 12GA intactas e 2 deflagradas; 3 munições cal 20GA intactas e 2 deflagradas; Pólvora e chumbo; Aprox. 2kg de tabletes embalados de substância aparentando ser maconha; 25 trouxinhas de substância aparentando ser maconha; 10 trouxinhas de substância aparentando ser cocaína e 25 pedras de sustância aparentando ser crack. 

Vinny Publicidade com fotos - divulgação/93ª CIPM

Cinco homens morrem após troca de tiros com policiais em Maracás